segunda-feira, 1 de junho de 2015

TBR de Junho


E mais um mês chegou ao fim e hoje abrimos as portar para um mês em branco. Como disse no primeiro aqui estou eu para fazer a minha listinha do que eu pretendo ler esse mesmo. Independente da ordem é claro!

Para começar um livro que já estava na lista do mês passado mas que não deu tempo de pegar:

Sinopse: Melissa Mitchell, uma jovem de apenas 17 anos disposta a lutar pela sua independência, decide ir em busca de seu grande sonho: cursar uma boa faculdade e tornar-se uma escritora. Em meio a tantos altos e baixos ela larga o conforto de sua casa em Skagway Alaska, para morar num subúrbio em Los Angeles, em um pequeno apartamento com apenas três cômodos.
    Tudo aparentava ser difícil em sua vida, porém com a sua devida persistência, ela recebe uma boa proposta e com isso novos amores se acenderão, mas será ela capaz de controlar seus sentimentos? Será que finalmente encontrará o seu caminho ou achará apenas dúvidas e desilusões? Embarque com ela nessa linda história, garanto que você quererá ler até “A Última Página”. 178 páginas.


Mais um da lista do ultimo mês:

Cidade das CinzasSinopse: Clary Fray só queria que sua vida voltasse ao normal. Mas o que é “normal” quando você é uma Caçadora de Sombras assassina de demônios, sua mãe está em um coma magicamente induzido e você de repente descobre que criaturas como lobisomens, vampiros e fadas realmente existem? Se Clary deixasse o mundo dos Caçadores de Sombras para trás, isso significaria mais tempo com o melhor amigo, Simon, que está se tornando mais do que só isso. Mas o mundo dos Caçadores não está disposto a abrir mão de Clary — especialmente o belo e irritante Jace, que por acaso ela descobriu ser seu irmão. E a única chance de salvar a mãe dos dois parece ser encontrar o perverso ex-Caçador de Sombras Valentim, que com certeza é louco, mau... e também o pai de Clary e Jace.
Para complicar ainda mais, alguém na cidade de Nova York está matando jovens do Submundo. Será que Valentim está por trás dessas mortes? E se sim, qual é o seu objetivo? Quando o segundo dos Instrumentos Mortais, a Espada da Alma, é roubada, a aterrorizante Inquisidora chega ao Instituto para investigar — e suas suspeitas caem diretamente sobre Jace. Como Clary pode impedir os planos malignos de Valentim se Jace está disposto a trair tudo aquilo em que acredita para ajudar o pai?
Nessa sequência de tirar o fôlego da série Os Instrumentos Mortais, Cassandra Clare atrai os leitores de volta para o lado mais obscuro do submundo de Nova York, onde amar nunca é seguro e o poder se torna a mais mortal das tentações. 404 páginas.

Exibindo RED.pngSinopse: Em uma cidade repleta de pessoas desconhecidas, Ari poderia ser apenas mais uma garota dispersa na multidão, como tantas outras que foram abandonadas pelos pais desde a infância. Devido à sua aparente doçura e beleza, ninguém seria capaz de supor que, além de um anjo, ela também é um demônio com sede de poder. Os espertos deveriam manter-se distantes, mas há olhares que não deixam de admirá-la.
Egran não desperdiçaria a chance de apoderar-se de habilidades tão interessantes: ela é a escolha perfeita. Entretanto, nem todos se sentem realizados. O círculo seria um refúgio ideal para os demais feiticeiros, se o próprio líder não os tratasse como marionetes descartáveis. Movidos pelo medo e controlados pelo mestre, os componentes do grupo obedecem, sem pestanejar, às ordens recebidas. Ao se ver arrastada para lá, Ari se encontra diante de situações improváveis, arriscando-se a expor mais do que gostaria.
Para ela, sentir é algo que sempre esteve fora de seus limites. Não poderia vivenciar qualquer forma de emoção, esta era a promessa. Até que Luke surge em seu caminho e abala as estruturas congeladas, derretendo-as e modelando novos conceitos. O amor realmente fará brotar a alegria? Ou irá arrastá-la diretamente para a morte? O passado obscuro de Ari será o suficiente para fazê-la estilhaçar de uma vez por todas, não restando oportunidades para uma nova tentativa de se isolar do mundo. 376 páginas.

Sinopse: Hazel é uma paciente terminal. Ainda que, por um milagre da medicina, seu tumor tenha encolhido bastante — o que lhe dá a promessa de viver mais alguns anos —, o último capítulo de sua história foi escrito no momento do diagnóstico. Mas em todo bom enredo há uma reviravolta, e a de Hazel se chama Augustus Waters, um garoto bonito que certo dia aparece no Grupo de Apoio a Crianças com Câncer. Juntos, os dois vão preencher o pequeno infinito das páginas em branco de suas vidas. 283 páginas.






Vou estabelecer a meta de quatro por mês, um por semana. Geralmente leio mais. Mas quero ser realista e não deixar o que aconteceu no ultimo mês de colocar dois livros da outra lista passada na atual. total de 1241 páginas.
Sim eu não li ACEDE ainda. E confesso só estar lendo agora por que o Lucas do Muita Mala Pra Levar me emprestou.
P.s. as fotos não estão padronizadas por conta das sinopses muito longas.

Por: Carol Cadiz

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Nós conte a sua opinião sobre o assunto :)